VANTAGENS DA ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL

Pode-se listar as seguintes vantagens de uma entidade manter escrituração contábil:

  1. Oferece maior controle financeiro e econômico à entidade.
  2. Comprova em juízo fatos cujas provas dependam de perícia contábil.
  3. Contestação de reclamatórias trabalhistas quando as provas a serem apresentadas dependam de perícia contábil.
  4. Imprescindível no requerimento de recuperação judicial (Lei 11.101/2005).
  5. Evita que sejam consideradas fraudulentas as próprias falências, sujeitando os sócios ou titulares ás penalidades da Lei que rege a matéria.
  6. Base de apuração de lucro tributável e possibilidade de compensação de prejuízos fiscais acumulados.
  7. Facilita acesso ás linhas de crédito.
  8. Distribuição de lucros como alternativa de diminuição de carga tributária.
  9. Prova a sócios que se retiram da sociedade a verdadeira situação patrimonial, para fins de apuração de haveres ou venda de participação.
  10. Prova, em juízo, a situação patrimonial na hipótese de questões que possam existir entre herdeiros e sucessores de sócio falecido.
  11. Para o administrador, supre exigência do Novo Código Civil Brasileiro quanto á prestação de contas (art. 1.020).

Portanto, ante a obviedade das vantagens acima listadas, a contabilidade é uma ferramenta imprescindível á gestão de qualquer entidade, cabendo ao administrador, sócios ou representantes implementarem a escrituração através de contabilista devidamente habilitado. Observar, ainda, a obrigatoriedade prevista no Novo Código Civil Brasileiro (Lei 10.406/2002), artigo 1.179, nestes termos:

“O empresário e a sociedade empresária são obrigados a seguir um sistema de contabilidade, mecanizado ou não, com base na escrituração uniforme de seus livros, em correspondência com a documentação respectiva, e a levantar anualmente o balanço patrimonial e o de resultado econômico.”

Fonte: Portal de Contabilidade

SOLICITE ORÇAMENTO